Como escolher móveis para coworking

Como escolher móveis para coworking

Quando o assunto é trabalho, é impossível não pensar em todas as transformações que vêm acontecendo no mundo corporativo, nas novas formas de relacionamento entre empresas, empregados e clientes, entre outras mudanças que ocorrem cada vez mais rápido.

Uma das marcas desses novos tempos são os espaços de coworking ou ambientes de trabalho colaborativos, para usar uma expressão em português. Atualmente muitas pessoas, startups, pequenas e médias empresas compartilham o mesmo espaço para desenvolver suas atividades.

Com isso, surgiu a necessidade de pensar em móveis corporativos fabricados especialmente para escritórios colaborativos, já que trabalhar no mesmo ambiente requer um melhor aproveitamento do espaço e mais interação entre os profissionais.

Como devem ser os móveis corporativos para coworking?

Os móveis para ambientes colaborativos normalmente são projetados com um design moderno para permitir que as pessoas trabalhem lado a lado, mas sem comprometer sua privacidade, favorecendo a interação ao mesmo tempo em que estimulam a concentração.

Trabalhando dessa forma, fica mais fácil compartilhar objetos. Assim, o ideal é optar por mesas integradas, uma de frente para a outra, ou projetar ilhas que propiciem o compartilhamento de materiais entre as pessoas.

O design, as cores e o tipo de madeira dos móveis corporativos variam de acordo com o tipo de negócio, a cultura da empresa e a natureza de suas atividades. As cores, por exemplo, seguem a identidade visual da empresa e o conceito do espaço colaborativo.

Antes de escolher os móveis corporativos, verifique o espaço disponível

Antes de escolher os móveis ideais para ambientes colaborativos, é preciso saber o tamanho do espaço para providenciar móveis sob medida. Essa é a melhor forma de aproveitar adequadamente o espaço disponível e promover a integração entre os profissionais.

Uma das vantagens de escolher móveis planejados para espaços de coworking é que eles ajudam, inclusive, no aproveitamento e na divisão dos ambientes. Uma estante pode dividir dois setores diferentes e ser usada pelos profissionais das duas áreas.

Também é possível manter o espaço totalmente aberto e integrado, mas dividido em nichos de acordo com as tarefas desenvolvidas. O importante é pensar na praticidade e na ergonomia do mobiliário corporativo.

Na hora de fazer o projeto, é natural querer que o layout e o mobiliário planejado deixem o ambiente esteticamente agradável, mas é muito importante se preocupar com o espaço para circulação das pessoas, o conforto que as mesas e as cadeiras vão proporcionar para os profissionais, e se haverá espaço para todos os objetos necessários ao dia a dia de trabalho.

A escolha dos móveis certos para coworking não é tarefa fácil para quem não é do ramo. Por isso, o ideal é contar com profissionais especializados em mobiliário corporativo planejado para combinar funcionalidade e estética, favorecendo a integração das pessoas e das atividades.

Se precisar de ajuda para planejar os móveis da sua empresa, entre em contato conosco. Visite nosso site e conheça todos os nossos serviços.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *